O impacto do Parlamento Jovem sobre a confiança dos jovens mineiros

Gabriel Ávila Casalecchi, Guilherme Quaresma Gonçalves

Resumo


O Parlamento Jovem (PJ) é um projeto de educação cívica realizado em Minas Gerais, elaborado e implementado por meio de parceria entre a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e a Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Ele foi criado com o intuito de fornecer aos alunos participantes uma oportunidade de participação direta no Parlamento mineiro. O Parlamento Jovem busca estimular a formação política dos jovens, conduzi-los a um exercício de participação democrática nas questões relevantes para a comunidade e propiciar um espaço para vivência em um ambiente político. Este artigo propõe uma avaliação do impacto do projeto sobre a confiança de seus participantes em três instituições – Congresso Nacional (CN), ALMG e Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH). Foi utilizado um banco de dados elaborado em 2008, sob a coordenação do Prof. Dr. Mario Fuks, do Departamento de Ciência Política da Universidade Federal de Minas Gerais (DCP/UFMG). A avaliação será feita sob a ótica de um estudo quase experimental, com informações coletadas antes e depois da participação dos jovens no PJ e com grupos de controle e tratamento. Por meio de análise multivariada, constatou-se que, após a realização do projeto, os alunos do grupo de tratamento passaram a confiar mais nas instituições, principalmente na ALMG, em relação aos alunos do grupo de controle.


Palavras-chave


Assembleia Legislativa de Minas Gerais; Parlamento Jovem; Educação cívica; Confiança nas instituições.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.