A cooperação na gestão das águas: estudo comparativo de três Comitês de Bacias Hidrográficas em Minas Gerais

Matilde de Souza

Resumo


O objetivo deste artigo1 é discutir a experiência desenvolvida em Minas Gerais no que se refere à gestão das águas, com base na estrutura projetada pela Política de Recursos Hídricos e na constituição dos Comitês de Bacias Hidrográficas. Três foram os comitês estudados: o da Bacia Hidrográfica do Rio das Velhas, o da Bacia Hidrográfica do Rio Paraopeba e o da Bacia Hidrográfica do Rio Piracicaba. Baseando-se numa metodologia quantitativa, procedeu-se à comparação desses três comitês em 2002 e 2011, a partir de algumas variáveis que serão explicitadas neste texto, com vistas a, fundamentalmente, discutir se a iteratividade promovida pelos CBHs produz comportamento cooperativo que se sustenta no tempo.


Palavras-chave


Comitês de Bacias Hidrográficas; Política de Recursos Hídricos; Cooperação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.